Blog

Qual o melhor tipo de carreta para seu serviço?

Está precisando transportar algum material e não sabe qual veículo utilizar? Está no conteúdo certo. Explicaremos os principais tipos de carreta e quais os serviços mais indicados para cada um deles. 

Existem diversas opções no mercado e até mesmo aqueles que já têm conhecimento no setor – mesmo que um pouco – se perdem nos nomes e têm dificuldade em saber a finalidade de cada um. 

Carreta baú, sider, porta-container, prancha graneleira, basculante, cabideiro,entre outras,  são alguns dos modelos de carreta mais procurados no mercado. Para ter transportes de qualidade e seguro, é preciso saber identificar qual o modelo mais indicado para seu serviço. 

É exatamente por este motivo que estamos aqui. Vamos explicar detalhadamente as diferenças, principais usos e diferenciais sobre cada uma das opções oferecidas no mercado. Assim terá todas as informações necessárias para entender qual o modelo escolher. 

Mas antes devemos esclarecer uma dúvida muito comum: qual a diferença entre carreta e caminhão? Esses veículos não são a mesma coisa, se tratam de modelos diferentes que realizam serviços distintos. 

 

Caminhão e carreta: qual a diferença?

Muitos ainda confundem esses termos e podem prejudicar o processo de escolha de qual modelo escolher. Por isso, é preciso entender que são tipos de veículos diferentes, com características, usos e benefícios distintos.

Basicamente, a diferença é que a carreta é articulada e não tem força motriz própria, por isso é conectada ao cavalo mecânico – o qual é composto por uma cabine com motor e rodas de tração. 

Os semirreboques das carretas contam com de 1 a 3 eixos e não têm força auto-propulsora. O caminhão, por sua vez, é diferente porque é considerado monobloco.

Isso é: são veículos fixos e inteiros com dois ou mais eixos. Vale ressaltar também que o reboque transita engatado a um outro veículo, enquanto o semirreboque apoia parte de sua unidade ao veículo trator – termos que as pessoas também confundem!

Com essas nomenclaturas esclarecidas, é possível entender quais as características de cada modelo e, consequentemente, escolher a carreta ideal para seu serviço.

 

Carreta baú

A carreta baú tem a parte traseira completamente fechada. Evita que fatores externos e variações climáticas danifiquem a carga, as protegendo das mais diversas avarias. 

É um dos tipos de carreta mais conhecidos, facilmente encontrados no dia a dia. Pode ser usado para transportar produtos frágeis, como alimentos, bebidas, medicamentos, eletrônicos e até mesmo móveis – em mudanças, por exemplo. 

Comporta fardos, paletes, caixas, móveis montados, máquinas, entre outros tipos de produtos. É um dos veículos mais indicados para transportar mercadorias frágeis, perecíveis e em grandes quantidades se necessário.

 

Carreta sider

Essa carreta tem características comuns com a opção anterior. Contudo, a carroceria é maior do que nas carretas baú. Suas laterais e a parte superior são fechadas com lonas retráteis, o que facilita e agiliza o processo de carga e descarga dos produtos. 

Suporta carros, produtos que são acomodados em paletes e racks, entre outros diversos. Ou seja, apresenta as mesmas vantagens de proteção citadas no tópico anterior, mas conta com o benefício de ser maior e retrátil – ideal para alguns tipos de serviços. 

 

Carreta prancha

Carretas pranchas são modelos conhecidos no mercado. Fazem parte da mesma família que as opções anteriores, mas apresentam grandes diferenças. Esse tipo de carreta é completamente aberta. 

Ou seja, não contam com grades ou lonas dos lados e tampouco na parte superior. São indicadas para transportes pesados. Especialmente para máquinas inteiras e de grande peso, como máquinas industriais, veículos, escavadeiras, entre outros. 

 

Carreta basculante

Essa é uma das opções mais conhecidas na área de construção civil. Carretas basculantes são itens quase que obrigatório em obras e construções. São aquelas utilizadas normalmente para transportar areia e outros minerais. 

Sua fama se dá por ser um equipamento com sistema manual ou hidráulico de basculamento que ergue um lado do equipamento, enquanto a outra continua presa. Assim, a carga escoa para fora do veículo de forma rápida, sem que os profissionais precisem perder horas retirando o material da carreta.  

 

Outros modelos de carretas

São diversos modelos! A cegonha é conhecida e bastante utilizada para transportar veículos. A carreta silo é indicada para atividades que precisam de um sistema de descarga por descarga por pressurização.

As carretas refrigeradas são indicadas para produtos que precisam ser refrigerados e a tanque, para carregar líquidos, como gasolina, etanol, entre outros. Já as carretas munck contam com um braço hidráulico que conseguem içar e movimentar cargas. 

Esses são apenas alguns exemplos de carretas disponíveis no mercado, ainda existem outros diversos modelos indicados para serviços específicos. 

 

Conheça a ALP Transportes

Nós da ALP Transportes oferecemos diversos modelos de carretas para locação. 

Além dos nossos diferenciais qualitativos na área de movimentação de cargas, oferecemos um atendimento extremamente qualificado para solucionar suas dúvidas e auxiliar na escolha de qual a melhor carreta para seu serviço.

Entre em contato conosco!

Confira as regiões que atendemos